Chaparro Agrícola e Industrial, S.L.
Informação profissional para a agricultura portuguesa

Syngenta forma parceiros do segundo canal da distribuição em jornada técnica em Aveiro

10/03/2023

A Syngenta realizou o Campus Syngenta 2023, uma jornada formativa para técnicos e balconistas dos seus pontos de venda e das cooperativas, a 1 e 2 de março, no hotel Melia Ria, em Aveiro.

Orondis Ultra, um novo anti míldio, Exployo Vit, a primeira feromona pulverizável da Syngenta para controlo da traça-dos-cachos, e Nutribio N, um bioestimulante e fixador de azoto atmosférico no solo para a cultura do milho, destacaram-se entre as novidades apresentadas aos seus parceiros do segundo canal da distribuição.

Imagen

Paulo Machado, diretor comercial da Syngenta em Portugal e na Galiza, alertou que “é fundamental fazer um uso adequado e uma boa recomendação das substâncias ativas para continuarmos a ter produtos fitofarmacêuticos com elevado nível de eficácia”, recordando que de um total de 958 substâncias ativas reavaliadas na União Europeia, dois terços foram reprovadas e apenas 315 autorizadas para proteger as culturas agrícolas de pragas, doenças e infestantes.

Na cultura da vinha, que representa 24% das vendas da Syngenta em Portugal, a companhia dispõe um portefólio completo de soluções inovadoras, eficazes e sustentáveis. Orondis Ultra, o novo anti míldio à base da nova substância ativa oxatiapiprolina e da consagrada mandipropamida, é eficaz a proteger a vinha nas várias fases de desenvolvimento do fungo a doses extremamente baixas (20g/hectare).

Orondis Ultra está disponível em embalagens de 100 ml e de 1 L, indo ao encontro das necessidades de todos os agricultores.

Esta nova geração de produtos, formulados em suspensão concentrada, vem revolucionar a forma como os viticultores tratam a vinha. “Como técnicos temos de ser agentes de mudança e formar os agricultores para um uso adequado desta nova geração de produtos mais tecnológicos e eficientes”, apelou Mário Casimiro, Técnico Gestor Conta Distribuidor da Syngenta na Beira Interior, Beira Litoral, Oeste e Açores.

A empresa apresentou também aos seus distribuidores e segundo canal os fungicidas para vinha Recatium, um produto sistémico, à base de espiroxamina, para controlo do oídio; e Zosty Triple, um anti míldio sistémico e de superfície à base de fosetil-alumínio, foltepe e cimoxanil.

Para responder às necessidades do mercado agrícola de minifúndio, a Syngenta dispõe a partir desta campanha de uma nova embalagem de 20 ml para o fungicida Score.

Na cultura da batata, a novidade da Syngenta é o Ridomil 25, um fungicida sistémico da família química das fenilamidas, para tratamento preventivo do míldio de inúmeras culturas, com destaque para o míldio da batateira.

Aposta nas soluções biológicas

No âmbito da sua nova unidade de negócio Syngenta Biologicals, a companhia lançou o Nutribio N, um bioestimulante e fixador de azoto atmosférico no solo para a cultura do milho, formulado com o microrganismo Azotobacter sallinestris estirpe CECT9690.

No Campus Syngenta 2023 foram revelados os resultados dos ensaios de Nutribio N no pivot de milho do campo experimental da Anpromis, em Coruche, o bioestimulante permitiu uma redução de 40 UFN (unidades fertilizantes de azoto) com um aumento de produtividade de 993 kg/ha.

O reforço do catálogo de biosoluções é um dos eixos da estratégia da Syngenta para os próximos anos, apostando em produtos baseados em microrganismos naturais para controlo biológico de pragas, tais como Exployo Vit, Taegro, e Costar, e para melhoria do estado nutricional e resistência natural das plantas, tal como Nutribio N, e outros produtos da gama Valagro, empresa adquirida pela Syngenta em 2022.

REVISTAS

Evolya

NEWSLETTERS

  • Newsletter Agriterra

    15/05/2024

  • Newsletter Agriterra

    08/05/2024

Subscrever gratuitamente a Newsletter semanal - Ver exemplo

Password

Marcar todos

Autorizo o envio de newsletters e informações de interempresas.net

Autorizo o envio de comunicações de terceiros via interempresas.net

Li e aceito as condições do Aviso legal e da Política de Proteção de Dados

Responsable: Interempresas Media, S.L.U. Finalidades: Assinatura da(s) nossa(s) newsletter(s). Gerenciamento de contas de usuários. Envio de e-mails relacionados a ele ou relacionados a interesses semelhantes ou associados.Conservação: durante o relacionamento com você, ou enquanto for necessário para realizar os propósitos especificados. Atribuição: Os dados podem ser transferidos para outras empresas do grupo por motivos de gestão interna. Derechos: Acceso, rectificación, oposición, supresión, portabilidad, limitación del tratatamiento y decisiones automatizadas: entre em contato com nosso DPO. Si considera que el tratamiento no se ajusta a la normativa vigente, puede presentar reclamación ante la AEPD. Mais informação: Política de Proteção de Dados

www.agriterra.pt

Agriterra - Informação profissional para a agricultura portuguesa

Estatuto Editorial